O que aprendemos com 28.000 ligações de vendas


tempo de leitura - 3 minutos

O que não falta na internet é conteúdo. Surge aí um novo problema: como separar o que é bom e o que não é.

Outro dia ouvi algo que em 2016, teríamos perto de 1,2 milhão de minutos audiovisuais disponibilizados por segundo na internet. Caramba!!! Em um post aqui mesmo que escrevi sobre o google, tem um dado que nós já assistimos a seis bilhões de horas de vídeo por mês. Haja hora...

Assim, vou facilitar: uma das matérias muito interessantes que vi foi essa do Diego Cordovez, da meetime (www.meetime.com.br), que passo a vocês.

Estou, inclusive, copiando a imagem deliciosa (parece tic tac) que ilustrou esse estudo.

No estudo, eles avaliaram mais de 28 mil ligações para os clientes com foco em responder alguns questionamentos que todos temos, como:

  1. Quais as taxas de ligações conectadas (entre as realizadas) e significativas (entre as conectadas)?

  2. Existem melhores horários para se conectar com um prospect?

  3. Como seria um mapa de calor com os melhores dias da semana e os horários para conexão?

  4. Chamadas para o mesmo DDD (locais) são mais ou menos conectadas?

  5. Como são as taxas de conexão quando o destino é um fixo ou celular?

  6. Há relação entre as conversas significativas e o tempo que elas duram?

Vou deixar que você veja as respostas no site original, mas adianto que será surpreendente, além de muito instrutivo. Desculpas de seus vendedores cairão por terra...

E se você não entrar naquela "síndrome da última coca-cola do deserto" (de que não é prá mim, meu público é diferente, meu produto é específico e todas aquelas outras desculpas conhecidas para não fazer algo novo) certamente essa matéria vai acrescentar algum conhecimento no relacionamento com seu cliente.

Bom proveito!

Forte abraço e sucesso no atendimento ao seu Cliente.

Steiner Frazão

#SteinerFrazão #atendimento

0 visualização

Contato

Tel: +55 11 99597-2229

steinerfrazao@gmail.com

São Paulo, Brasil